5 de junho de 2015 • 12:51 am

Cotidiano

Operação do Gecoc e polícias apreende drogas e prende seis pessoas

Material recolhido se resume em 16 quilos de crack e pasta base de cocaína; seis pessoas foram presas

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page
Drogas apreendidas

Drogas apreendidas

Operação realizada com sucesso. Foi assim o desfecho da ação realizada na manhã desta quinta-feira (4) entre o Grupo Estadual de Combate às Organizações Criminosas do Ministério Público Estadual de Alagoas (Gecoc), e as Polícias Civil e Militar, que  apreenderam, 16 quilos de crack e pasta base de cocaína. A droga serviria para abastecer o comércio ilegal de entorpecentes, tanto em Arapiraca, quanto em outros municípios da região do Agreste. Seis pessoas foram presas em flagrante delito.

Foram dois meses e meio de procedimentos investigatórios acontecendo até o dia da operação que acabaria com a organização criminosa especializada em tráfico de entorpecentes e assaltos a carros. Cinco homens e uma mulher foram presos, na manhã de hoje, na cidade de Arapiraca, sob a posse dos 16 quilos de drogas.

De acordo com o Gecoc, cada tablete de crack apreendido, de aproximadamente um quilo, equivale a cerca de R$ 16 mil e, para poder ser comercializado, ainda precisava ser dividido em pequenas pedras. Já a barra de paste base de cocaína pode chegar a R$ 20 mil.

Seis pessoas foram presas em flagrante delito

Seis pessoas foram presas em flagrante delito

Foram presos Hudnílson Magalhães Nunes, Jonatha Marques Barros, José da Silva Cavalcante, Edson Bezerra dos Santos e Maria Rivanilda Soares Silva. Edson dos Santos, que já cumpre pena na Penitenciária Baldomero Cavalcante, vai responder a mais um crime a partir de agora. Ele é acusado de liderar a quadrilha de dentro do presídio e foi levado até Arapiraca para a lavratura do flagrante.

Com exceção de Edson, todos os presos ficarão detidos da delegacia regional de Arapiraca. Além do Gecoc, participaram da operação, autorizada pela 17a Vara Criminal da Capital, o Bope e a Divisão de Polícia Judiciária, Área 2.

Outras apreensões

Além da droga, o bando portava R$ 3 mil em dinheiro, facas – que ajudariam na quebra das pedras -, balanças de precisão, jóias e aparelhos celulares.

Quatro veículos também foram recolhidos. Dois Fox tinham queixa de roubo e serão encaminhados à Delegacia de Roubos e Furtos, para que seus proprietários possam reaver os bens anteriormente usurpados.

Uma motocicleta e um carro Mitsubishi ASX foram os outros veículos apreendidos. A droga veio de São Paulo dentro desse último automóvel, que estava sendo dirigido por Jonatha Marques e José da Silva Cavalcante. Os demais acusados foram presos  função de mandados de busca e apreensão expedidos.

Deixe o seu comentário