19 de outubro de 2017 • 10:12 am

Policia

Operação integrada busca suspeitos de integrar organização criminosa em AL

Batizada de Quarteto, operação cumpre 23 mandados de prisão e 16 de busca e apreensão em Alagoas, Sergipe, São Paulo e Paraná

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) deflagrou nesta quinta-feira (18) a Operação Quarteto, com intuito de desarticular uma organização criminosa que atua em Alagoas. O grupo é suspeito de tráfico de drogas, homicídios, roubos e outros crimes.

População pode utilizar o Disque-Denúncia 181 para repassar mais detalhes que auxiliem a Segurança Pública na identificação de outros integrantes da organização criminosa. Ascom

Equipes do Batalhão de Operações Especiais (Bope), 11º Batalhão da Polícia Militar, da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico (DRN), Asfixia, do Grupamento Aéreo da Segurança Pública, cumprem 16 mandados de busca e apreensão e 23 de prisão em Maceió, Penedo, no município de Nossa Senhora do Socorro (SE) e nos estados de São Paulo e Paraná. Cinco dos alvos já se encontram recolhidos ao sistema prisional.

Equipes do Comando de Operações Policiais da PM e Departamento de Narcóticos da Polícia Civil de Sergipe e das polícias de São Paulo e do Paraná também auxiliaram no cumprimento dos mandados.

A DRN fez a representação dos mandados, que foram expedidos pela 17ª Vara Criminal da Capital. As investigações tiveram início em julho e tiveram apoio da Secretaria de Ressocialização e Inclusão Social (Seris) e também de denúncias recebidas por meio do Disque-Denúncia 181.

Segundo as investigações, a organização criminosa alvo da operação atua em Alagoas e possui ramificações em outros estados. O estado de Sergipe era utilizado pelo grupo como ponto de apoio para fazer com que os materiais ilícitos chegassem à capital alagoana e assim fossem distribuídos.

Uma grande quantidade de drogas foi apreendida em Sergipe e também houve apreensões de armas nos alvos da operação. Os detalhes finais da operação serão repassados ao término dos trabalhos.

A população pode utilizar o Disque-Denúncia 181 para repassar mais detalhes que auxiliem a Segurança Pública na identificação de outros integrantes da organização criminosa. Os detalhes finais da operação serão repassados ao término dos trabalhos.

Deixe o seu comentário