4 de fevereiro de 2016 • 7:57 am

Blogs » Marcelo Firmino

Para voar alto, Renan Filho quer controle da Prefeitura de Maceió

Governador quer eleger mais de 50 prefeitos para reafirmar seu protagonismo no processo politico

Por: Marcelo Firmino
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Exatamente no dia 19 de janeiro o eassim.net trouxe a informação de que o Palácio Zumbi dos Palmares e o PMDB se movimentavam para fazer da dupla Alfredo Gaspar e  Mosart Amaral protagonista da eleição municipal deste ano em Maceió. Seriam eles os nomes do governador para efrentar às urnas na condição de candidatos majoritários.

Quando Renan Filho confirmou esses nomes nesta quarta-feira, 03, deixou claro também que, na verdade, o protagonista de tudo é ele e ponto final.

E por uma razão: RF sonha e quer voar mais alto no meio político, buscando obviamente projeção nacional de forma independente e por méritos prórpios. Para que isso aconteça ele terá que ser o comandante maior do processo eleitoral deste ano.

É pretensão do governador, pessoalmente, (sem amarras com o pai, senador RC),  fazer mais de 50 prefeitos em Alagoas, o que lhe dará lastro político individual e lhe fortaleceá para projetos eleitorais futuros. Significa dizer que o domínino político do Estado passará para a sua batuta, uma vez que entrou no governo com esse domínio nas mãos do senador seu pai.

RF sonha e pensa de fato com voos nacionais e sabe que não pode alcançá-los se não fizer o dever de casa bem feito. E as eleições deste ano serão seu primeiro embate como o comandante geral do processo.

Hoje, as coisas estão claras para ele, ao ponto de já ter um nome para disputar as eleições presidenciais. Trata-se do prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes. Aposta neste nome e pretende seguí-lo para alcançar seu voo no cenário nacional.

Fazer o prefeito de Maceió, nas próximas eleições, portanto, é uma missão de que ele não abre mão. Afinal, seria um começo e tanto.

Só pra conferir, o link da matéria publicada neste site no dia 19 de janeiro: http://eassim.net/mosart-e-gaspar-os-protagonistas-do-palacio-para-a-prefeitura-de-maceio/

 

 

1 Comentário

  1. Jurandir Bozo disse:

    KD o Ciço? KD o Ciço? RS…
    Fico pensando onde fica o Cicero Almeida nessa historia toda… Será que Ciço perdeu seu espaço no campo político Alagoano? Ou não seria verdade que o mesmo teria como fiel escudeiro de sua candidatura o promissor e influente Dep Federal Marx Beltrão? Talvez o Sr. Dep. Marx esteja perdendo espaço junto ao governador e assim comprometendo o seu projeto futuro de ocupar uma das duas vagas que irão se abrir para o senado… Ou não? E o quase falecido Téo Vilela, reverberaria sua força na eleição do seu sobrinho tendo uma votação expressiva e aos olhos e comentários do povo, milionária… Como fica os vilelas nisso tudo… Teria algum acordo com Renan Pai, que se acha filho e espírito santo… rs… Ou tudo isso de anunciar candidatos não seria mais uma jogada política, Renan Filho blefando nomes a fim de blindar o real candidato… Estaria o jovem mancebo ainda ouvindo as orientações do seu experiente pai para juntos ocuparem um espaço ainda maior na esfera nacional… ?
    Eita site pra me deixar com pulgas e mais pulgas nas orelhas… E essa noticia precisa ser muito bem avaliada e entendida… Pois não veio da mídia chapa branca, ou preta…
    A verdade que acredito, é que ainda tem muita água pra descer ladeira abaixo pra inundar Maceió (e consequentemente por Alagoas que vai afogando suas definições a reboque), espero apenas que essa inundação corriqueira e eleitoreira, não seja de lama mais uma vez… Que essa onda de buscar valores éticos e morais na política seja enfatizada e revivida no “de cara com a urna”. De resto é a confiança num veiculo que vem se consolidando com independência (éassim) e acompanhar os desfechos dessa já exibida novela de vaidades e projetos pessoais ou familiares… E na sinopse, Os Calheiros, os Beltrões, Os Palmeiras e Vilelas, e quem sabe um Ciço…

Deixe o seu comentário