23 de Janeiro de 2017 • 9:52 am

Interior » Política

Paulão cobra de Renan mais apoio para Inhapí e Olho D’Água do Casado

Os dois municípios sofrem com a seca e governo promete ajuda da Casal e dos Recursos Hídricos

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Em audiência com o governador Renan Filho (PMDB), o deputado federal Paulão (PT) defendeu a imediata ação do governo estadual para resolver o problema do abastecimento de água de Inhapí. Segundo ele, a situção é tão grave lá que a água da Casal só chega à torneira, desde 2015, 5 vezes por ano.

Para o deputado não poderia ser assim, por que hoje o canal do sertão passa na porta de entrada da cidade. “Os sertanejos têm um rio artificial, mas não podem usar por que não há gestões neste sentido. Esse canal precisa ser melhor aproveitado”, disse Paulão.

Renan Filho recebe Paulão e os prefeitos de Inhapí e Olho D’Água.

Ele destacou que adutora que abastece Inhapí está obsoleta e pediu providências ao governador, que de imediato autorizou a Casal a tomar as medidas cabíveis para solucionar o problema.

No encontro que manteve com o presidente da Casal, Clécio Falcão, junto com os prefeitos de Inhapí, José Cícero, e de Olho D’Água do Casado, Zé da Emater, o deputado destacou que ficou firmado o compromisso de a Casal recuperar a adutora no prazo de 6 meses, para normalizar o abastecimento do município sertanejo.

Além disso, ficou estabelecido também que a Secretaria de Recursos Hídricos vai intalar poços artesianos no município para a captação de água e assim aumentar a oferta para uma demanda cada vez mais crescente.

Olho D’Água do Casado – Embora também sofrendo com a crise do abastecimento de água, o município de Olho D’Água do Casado tem, segundo Paulão, uma situação menos dramática em se tratando do abastecimento de água. Lá, disse que a solução pode ser o próprio canal do sertão, que por estar acima do plano territorial da cidade pode distribuir a água por gravidade.

Disse que este caso, inclusive, foi discutido com a Secretaria Estadual de Recursos Hídricos, que se comprometeu em levar a água até os assentamentos e comunidades rurais da região, bem como recuperar um dessalinizador de água da comunidade Patativa do Assaré.

 Emendas -Para os dois municípios, Paulão se comprometeu em destinar emendas do Orçamento da União, para que os prefeitos possam investir na infraestrutura que permita atenuar a vida dos sertanejos nos períodos de seca prolongada. “Tenho trabalhado com emendas por Inhapí e agora vou ajudar Olho D’Água, considerando que o prefeito Zé da Emater também é do meu partido”, disse Paulão.

Deixe o seu comentário