1 de dezembro de 2016 • 7:59 am

Brasil

Paulão vai ao STF contra o ódio e a intolerância na Câmara dos Deputados

Deputado defende anulação das CPIs do Incra e da Funai.

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O deputado federal Paulão (PT-AL) teve audiência nesta quarta-feira, 30, com o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski, ao lado de uma comissão parlamentar, para esclarecer o mandado de segurança impetrado por integrantes do PT, PCdoB, Psol, PDT e PSB para anular a instalação das CPIs da Funai e do Incra na Câmara.

Paulão: foi um atentado contra a democracia.

Paulão: contra o ódio e a intolerância.

Lewandowski é o relator do mandado de segurança. “Espero que a gente consiga uma decisão do Supremo barrando essas CPIs que não têm objeto, nem fato determinante”, disse o deputado.

Segndo ele, na realidade, uma parte dos parlamentares envolvidos na CPI quer apenas cultivar o ódio e a intolerância contra os povos indígenas e os movimentos sociais”, justificou Paulão.

Na visão do deputado alagoano é hora do STF agir com absoluta altivez no julgamento da causa, considerando o momento dificil que o País está vivendo, em função de atitudes espúrias dentro de um congresso cada vez menos comprometido com o estado de direito e os interesses reais do povo brasileiro.

 

Deixe o seu comentário