21 de julho de 2017 • 7:47 pm

Brasil » Justiça

PF inocenta Renan, Jucá e Sarney de acusação de obstrução de justiça

PF encaminhou relatório de investigação da Lava Jato para o STF sem nenhuma acusação

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

A Polícia Federal (PF) disse em Brasília nesta sexta-feira, 21, após realização de inquério, que os senadores Renan Calheiros (PMDB-AL) e Romero Jucá (PMDB-RR) e o ex-presidente da República José Sarney (PMDB-AP) não cometeram crime de obstrução à Justiça na operação Lava Jato.

A PF encaminhou ao STF (Supremo Tribunal Federal) o relatório conclusivo das investigações sobre o caso nesta sexta-feira. De acordo com a Polícia, uma suposta intenção não pode ser considerada crime. Também afirma que os caciques peemedebistas não obstruíram a Justiça.

As apurações faziam parte de inquérito aberto pelo ministro do STF Edson Fachin. A pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ele determinou que fossem realizadas investigações com base na delação premiada de Sérgio Machado, ex-presidente da Transpetro.

Deixe o seu comentário