23 de junho de 2016 • 6:15 pm

CINEMA » Entretenimento

“Ponto Zero”: filme nacional está em cartaz no Arte Pajuçara

O drama é o primeiro longa-metragem de José Pedro Goulart

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

171053O filme Ponto Zero, de José Pedro Goulart, está em cartaz no Centro Cultural Arte Pajuçara, em Maceió. A produção é o primeiro longa-metragem de Goulart, aos 56 anos. Embora muitos digam que é tardio, ele acredita que aconteceu no tempo certo.

O diretor é conhecido por dois curtas, Temporal (codirigido por Jorge Furtado), que foi lançado em 1984 e O Dia em que Dorival Encarou a Guarda, também dirigido em dupla com Furtado, em 1986.

185310O drama Ponto Zero conta a história de Ênio (Sandro Aliprandini), um adolescente de 14 anos que precisa lidar com os desafios de sua idade, seus traumas de infância e sua família. Seu pai (Eucir de Souza) é um radialista rude que costuma passar muito tempo fora de casa, porém, quando está, mostra-se apático. Sua mãe (Patrícia Selonk) sofre com as grosserias do marido e busca no filho algo que ele não pode suprir, dando um peso desnecessário para Ênio, nesta fase já tão complicada. O filme é muito estético, trabalhando fortes efeitos visuais e sonoros para transmitir as emoções, com muitos momentos de silêncios que podem ser considerados sufocantes.

Segundo o diretor, o filme se trata sobre amadurecimento e, apesar de ser não usual, tem recebido um bom feedback. A trama tenta fazer o público se identificar com os traumas e situações vividas na infância e adolescência, a forma com que eles se refletem, se arrastam como fantasmas por toda a vida.

Sandro Aliprandini, que interpreta Ênio, contou que gravou todas as cenas sem ter lido o roteiro. Goulart conversava com o ator alguns momentos antes da gravação, para explicar como seria a cena. Não houve ensaios, Aliprandini fez muitas improvisações, como era desejado pelo diretor, para que a emoção fosse verdadeira. O filme foi gravado na ordem cronológica, para que Aliprandini compreendesse o que se passava.

Confira o trailer:

Deixe o seu comentário