24 de setembro de 2015 • 8:28 am

Maceió

Multidão acompanha enterros e Seripa investiga as causas da tragédia

Investigação deve durar no mínimo 40 dias.

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
Familiares no velório do Major Milton.

Familiares no velório do Major Milton.

Corpos deixam o Palácio dos Martírios.

Corpos deixam o Palácio dos Martírios.

Após o velório no Palácio dos Martírios, seguido de um culto ecumênico, os corpos do major Milton e do capitão Assunção foram conduzidos para o Cemitério Memorial Parque das Flores, no bairro do Farol, em Maceió, e o sepultamento está previsto para às 11h.

Cortejo pelas ruas da cidade

Cortejo pelas ruas da cidade

12038969_545883618899263_2011666873562856190_oJá o corpo do soldado Diogo Melo será sepultado no Cemitério Memorial Parque Maceió, no bairro Benedito Bentes, às 12h. Os corpos seguiram para os cemitérios em carros do Corpo de Bombeiros.

O corpo do soldado Pereira foi levado pela família  para a cidade Palmeira dos Índios. Saiu às 7 horas desta quinta-feira, 24, e o sepultamento está marcado paro meio dia de hoje.

Em estado de comoção militares e familiares dos policiais mortos acompanharam o traslado dos corpos até os cemitérios. Os militares foram as vitimas fatais do acidente com o helicóptero da Secretaria de Segurança Pública, ocorrido nesta quarta-feira, 23, no bairro de Santa Lúcia.

Os militares mortos na tragédia da Santa Lúcia faziam patrulhamento aéreo quando sofreram um acidente.

Investigação – Uma equipe  do Segundo Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa), com sede no Recife, chegou a Maceió nesta quarta-feira, 23, para apurar as casas da queda do helicóptero.

O local do acidente.

O local do acidente.

A equipe, já está no local da tragédia fazendo os primeiros levantamentos. Os resultados desse trabalho só deverão ser conhecidos após 40 dias.

Deixe o seu comentário