14 de outubro de 2015 • 11:14 pm

Blogs » Fátima Almeida » Política

Porteira fechada: Ministro da Saúde demite petistas para abrir vagas ao PMDB

PT perde cargos de segundo escalão em áreas ocupadas por partidos “aliados”.

Por: Fátima Almeida
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

O ministro da Saúde Marcelo Castro, aquele mesmo que chegou defendendo a dupla cobrança da polêmica Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), continua dando o que falar no Planalto Central. Em meio à nova safra de ministros nomeados com o carimbo da coalizão, ele tem se destacado, agora pelo estilo ‘porteira fechada’ que está imprimindo na nova casa, em favor do seu partido, o PMDB.

Fez um verdadeiro rapa dos petistas que ocupavam cargos de chefia no Ministério – diretores, coordenadores de programas – exonerou, um por um, para poder escancarar a porta aos peemedebistas, ligados aos altos escalões do partido aliado (pero no mutcho) da presidente Dilma Rousseff.

E não é só nos oito ministérios abocanhados pelo PMDB de Renan Calheiros e Michel Temmer que o PT tem perdido poder de mando, até mesmo no segundo escalão. Tem outras glebas, como os Correios, o Sebrae e a Sudene que estão prestes a escapar do domínio petista, em nome da governabilidade.

A companheirada está ficando magoada!!!

 

Deixe o seu comentário