15 de setembro de 2015 • 10:26 am

Maceió

Prefeito Rui diz que o edital de licitação do governo passado era “de araque”

Para o prefeito de Maceió há gente tentando “melar” a licitação dos ônibus.

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

No curso da estratégia da campanha eleitoral pela reeleição, o prefeito Rui Palmeira (PSDB) disse hoje em coletiva que o edital de licitação da gestão passada “foi de araque”. A manifestação se deu após a conselheira do Tribunal de Contas, Rosa Albuquerque, ter determinado a suspensão da licitação.

O prefeito, com o apoio do juiz Emanoel Dorea, da Fazenda Municipal, conseguiu uma liminar e garantiu a continuidade do certame. O fato é que Rosa Albuquerque  havia determinado a suspensão do processo em função do edital de 2002 ter sido barrado na justiça liminarmente.  A conselheira queria que fosse julgado o mérito, antes de se fazer a nova licitação.

Na coletiva o prefeito Rui disse que o edital anterior foi cancelado e que sua gestão montou um edital que considera tecnicamente perfeito e que não sofreu nenhuma espécie de impugnação. Rui declarou que há interesses excusos tentando “melar” o certame licitatório em Maceió. Destacou que o edital formatado com o apoio do Ministério Público e do Ministério Público de Contas.

Falou inclusive de uma empresa de ônibus “laranja” de Boca da Mata que tentou interferir, “Uma empresa com dez ônibus velhos, caindo aos pedaços”, disse.

O eassim.net procurou ouvir o ex-prefeito Cícero Almeida (PRTB) sobre a acusação de Rui Palmeira, mas a assessoria ainda não retornou com a informação.

Deixe o seu comentário