9 de Janeiro de 2018 • 6:11 am

Brasil » Violência

Preso por estupro: Suplente de Cristiane foi condenado a 12 anos

Possível novo deputado federal, Nelson Nahim foi condenado por manter relações com uma das menores mantida em cárcere, no caso “Meninas de Guarus”

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Caso se confirme a posse de Cristiane Brasil (PTB-RJ) no Ministério do Trabalho, sua vaga na Câmara de Deputados será assumida pelo ex-vereador de Campos dos Goytacazes Nelson Nahim (PSD-RJ), que em 2016 foi condenado pela Justiça a 12 anos de reclusão em regime fechado por estupro e exploração sexual de menores de 18 anos.

Nahim é irmão do ex-governador do Rio Anthony Garotinho (PR) e foi prefeito de Campos no período em que a cunhada, Rosinha Matheus (PR), foi afastada do cargo pelo TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do Rio, em 2010.

Condenado por envolvimento no caso das “Meninas de Guarus”,  algumas na faixa dos oito a 11 anos, que eram mantidos em cárcere privado para a prostituição em casas na região de Campos. A Procuradoria sustenta que menores eram drogadas para oferecer menos resistência e chegavam a fazer 30 programas por dia.

Nahim foi acusado de manter relações com uma menina de 15 anos e fora condenado a 12 anos pelos crimes de estupro, coação no curso do processo, e submissão de criança/adolescente a prostituição/exploração sexual.

Nahim nega todas as acusações, nas redes sociais disse que mostrará sua “inocência” e afirmou que vai entregar em cada gabinete da Câmara “cópias de todos os documentos da grande e absurda injustiça” a que teria sido submetido.

Deixe o seu comentário