8 de junho de 2015 • 4:33 pm

Esportes

Pressionado, Del Nero será ‘sabatinado’ na Câmara nesta terça

O cartola confirmou presença para prestar esclarecimentos sobre os escândalos que resultaram na prisão de seu vice José Maria Marin

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
Del Nero é aguardado às 14 horas

Del Nero é aguardado às 14 horas

Com o seu nome ligado a investigações do FBI em torno de denúncias de corrupção no futebol, o presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, será ‘sabatinado’ na Comissão de Esportes da Câmara dos Deputados, nesta terça-feira (9), em Brasília. O cartola confirmou presença para prestar esclarecimentos sobre os escândalos que resultaram na prisão de seu vice José Maria Marin.

Del Nero é aguardado às 14h e será recebido, dentre outros, pelo superintendente de futebol do Corinthians, Andrés Sanchez, o ex-judoca João Derly, e o ex-jogador Deley.

O dirigente está no centro de CPI proposta pelo ex-jogador e atual senador Romário (PSB-RJ),  aprovada para investigar a CBF.

O mandatário não teve seu nome citado nas investigações dos Estados Unidos, mas documentos das autoridades americanas indicam que ele dividiu parte das propinas recebidas por Marin, vice da CBF e presidente da entidade até abril de 2015.

Desde o estouro do escândalo na Fifa, a pressão para que Del Nero renuncie só aumenta. Ele fez reunião com presidentes de federações na semana passada e convocou, para próxima quinta-feira, dia 11,  uma assembleia extraordinária na CBF.

O ponto principal levantado na reunião é com relação a uma mudança no item que prevê que o vice-presidente mais velho ocupe o cargo do mandatário que deixar o posto. Se Del Nero resolvesse deixar a presidência antes do fim do seu mandato, pelo atual estatuto, seria Delfim Peixoto, vice do Sul, quem assumiria. E é exatamente isso que os dirigentes estão tentando evitar, segundo o próprio presidente. Delfim, de Santa Catarina, não conta com a sua confiança.

Deixe o seu comentário