6 de agosto de 2016 • 12:57 am

Brasil » EVENTOS

Público não perdoa e vaia Michel Temer na abertura das Olimpíadas

Presidente do Comitê Olimpico Internacional quebra o protocolo e não fala no nome de Temer

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O presidente interino Michel Temer recebeu muitas vaias e alguns aplausos ao declarar a abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016, nesta sexta-feira, 5, no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. A breve fala, nos momentos finais do encerramento da cerimônia de quatro horas de duração, foi acompanhada de vaias assim que Temer apareceu nos telões.

“Após esse maravilhoso espetáculo, declaro abertos os Jogos Olímpicos do Rio”, disse o presidente interino.

Abertura dos jogos olimpicos.

Abertura dos jogos olimpicos.

Depois do desfile das delegações de atletas, os presidentes do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, e do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), Carlos Arthur Nuzman, fizeram breves discursos e não mencionaram o nome do presidente interino ao cumprimentarem as autoridades. O Palácio do Planalto informou que não iria se manifestar sobre o assunto.

Durante toda a cerimônia de abertura, Temer ficou sentado ao lado de Thomas Bach e do secretário-geral das Nações Unidas, Ban ki-moon. O presidente interino aplaudiu de pé a entrada da delegação brasileira, a última a desfilar.

No Boulevard Olímpico, na Zona Portuária, milhares de espectadores que assistiam à cerimônia também vaiaram o presidente interino e gritaram “Fora, Temer”.

Já no início da cerimônia, o Comitê Olímpico Internacional (COI) quebrou a regra de todas as cerimônias de abertura de Jogos Olímpicos nos demais países e omitiu o nome de Temer por temor de que ocorressem vaias. Apenas o presidente do COI, Thomas Bach, foi apresentado ao público.

No guia de mídia do COI para os jornalistas constava a “apresentação dos presidentes” Temer e Bach. Mesmo sem a citação ao nome de Temer, grupos de espectadores vaiaram o momento em que o presidente interino apareceu rapidamente no telão. Nas redes sociais, pessoas relataram gritos de “Fora, Temer” dentro do Maracanã.

Deixe o seu comentário