9 de março de 2016 • 6:20 pm

Economia

Renan Filho tenta alongar pagamento da dívida pública de mais de R$ 10 bi

Para isso uma proposta de lei será enviada ao Congresso Nacional na próxima semana

Por: Da Redação com Assessoria
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Com uma dívida pública superior a R$ 10 bilhões, o governo do Estado tenta por todos os meios alongar o pagamento deste passivo que recebeu como herança do governo de Teotônio Vilela Filho (PSDB)

No entanto, uma proposta de lei que prevê o alongamento da dívida pública estadual será enviada ao Congresso Nacional na próxima semana.

O governador Renan Filho (PMDB) revelou que a definição da entrega do projeto foi assegurada pelo Ministério da Fazenda, durante reunião com a presidente da República, Dilma Rousseff, e o ministro Nelson Barbosa.

Uma vez aprovada, a nova lei promete restaurar e ampliar a capacidade de investimentos em Alagoas, já que sugere um prazo de vinte anos para o pagamento de uma dívida bilionária adquirida por outras gestões. A questão foi ainda apontada pelo chefe do Executivo estadual como principal problema a ser enfrentado pelo Estado atualmente.

“-Esta semana fui convocado pelo governo federal, juntamente com outros governadores estaduais, para discutir a situação do alongamento da dívida pública, que por muito tempo tem sido o grande obstáculo de Alagoas. Saímos de lá com o compromisso do Ministério da Fazenda em enviar, já na próxima semana, a legislação para o Congresso Nacional. Será uma conquista muito importante para o nosso Estado”. – Disse Renan Filho.

Deixe o seu comentário