13 de junho de 2015 • 5:53 pm

Brasil

Revista denuncia que juizes ganham mais de R$ 100 mil mensais no Brasil

No Senado ainda está para ser votado reajuste de 78% para o Judiciário. Mas, os magistrados brasileiros já recebem bem além do teto salarial dos servidors públicos.

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Brasil – Uma reportagem especial da revista Época chama a atenção para os privilégios salariais dos juízes do Brail. Segundo a revista há casos em que um magistrado ganha até R$ 125 mil por mês.

A revista aponta que a média salarial paga a juízes e desembargadores em todo o Brasil é 25% superior ao teto do funcionalismo público. Enquanto o teto estabelecido por lei hoje é de R$ 33,7 mil, a média dos vencimentos dos juízes e desembargadores chega a R$ 41,8 mil.

Ainda conforme a revista, existem casos em que os salários dos magistrados ultrapassa a casa dos R$ 100 mil. Um exemplo é do presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), Pedro Carlos Marcondes, cujo rendimento mensal chega a R$ 125,6 mil.

Os cálculos da Época consideram salários e também os benefícios concedidos aos magistrados como auxílio para a compra de livros, auxílio educação (para filhos dos magistrados), auxílio mudança, diárias e auxílio transporte. Em média, os presidentes de TJ tem salários de R$ 59,9 mil, segundo a revista.

Nos ministérios públicos estaduais, o salário médio dos promotores, incluindo-se os benefícios, chega a R$ 40,8 mil. Os procuradores-gerais de Justiça tem vencimento médio de R$ 53,9 mil e o maior salário, nessa categoria, é de Mafran Vieira, do Rio de Janeiro. Como procurador-geral do RJ, Vieira recebe R$ 122,5 mil ao mês.

Deixe o seu comentário