13 de outubro de 2016 • 5:48 pm

Política

Rosinha deixa Secretaria para assumir vaga de Beltrão na Câmara Federal

Caso ela não assumisse, vaga seria do segundo suplente da coligação “Aliança Com o Povo pra Alagoas Mudar”, o médico Hemerson Casado

Por: Vinicius Firmino
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page
Rosinha e Marx estiveram reunidos na manha desta quinta, dia 13. Foto: Instagram Marx Beltrão

Rosinha e Marx estiveram reunidos na manha desta quinta, dia 13. Foto: Instagram Marx Beltrão

A primeira suplente da coligação “Aliança Com o Povo pra Alagoas Mudar”, Rosinha da Adefal (PT do B) confirmou nesta quinta-feira (13) que vai assumir a vaga, do agora ministro do Turismo Marx Beltrão (PMDB), na Câmara Federal. Comunicado veio do próprio ministro através das redes sociais.

Rosinha, que estava exercendo o cargo de secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência, tinha um prazo de 30 dias para decidir se tomaria posse ou não da vaga deixada para Alagoas. Assim, existia uma expectativa que, caso ela resolvesse fica na Secretária, o médico Hemerson Casado, portador de Esclerose Lateral Amiotrófica, doença degenerativa que afeta os movimentos do corpo, assumisse.

Mas ela preferiu não arriscar, pois pela regra, se fosse rejeitada a cadeira legislativa, seria considerado desistente da suplência.

Em suas redes sociais, o ministro Marx Beltrão, fez uma publicação de um encontro com Rosinha, dizendo: “Fico bastante contente em saber que Rosinha da Adefal assumirá a suplência na Câmara dos Deputados, após a minha vinda para o Ministério do Turismo. Mulher guerreira e defensora dos direitos das pessoas com deficiência. Tenho certeza que irá fazer um belo trabalho e também lutará pelos projetos, de minha autoria, que promovem acessibilidade. Seis projetos de lei apresentados por mim em defesa de mais inclusão continuam em tramitação na Casa: PL 5593/16, PL 5986/16, PL 6071/16, PL 2535/15, PL 2046/15, PL 3577/15 ”, destacou.

 

Deixe o seu comentário