10 de novembro de 2016 • 9:36 am

Justiça

Servidores do Judiciário realizam paralisações nesta quinta-feira

Mobilização cobra aprovação imediata do Plano de Cargos, carreira e Salários dos servidores.

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Os servidores do Poder Judiciário de Alagoas realizam nesta quinta-feira, duas paralisações de 1 hora cada, para cobrar do Tribunal de Justiça a aprovação do novo Plano de Cargos, Carreira e Salários (PCCS) da categoria, que vem sendo negociado há cerca de dois anos.
De acordo com a presidente Sindicato que representa a categoria (Serjal), Raquel Faião, o projeto, que corrige distorções salariais históricas, está pronto, já foi aprovado em assembleia dos servidores, teve confirmada, em estudo realizado por técnicos do Dieese, a viabilidade financeira dentro do orçamento do TJ, para a sua implantação, mas a provação não aconteceu. No último dia 8, os servidores foram à sessão do Pleno, na expectativa de que a matéria entrasse em pauta, no entanto, mais uma vez, não houve a inclusão.
Em assembleia realizada no mesmo dia 8, no auditório do Sindicato dos Urbanitários, os servidores do Judiciário decidiram aprovar um calendário de mobilizações que será executado durante este mês de novembro, até que o PCCS seja aprovado.

Servidores cobram o PCCS

Servidores cobram o PCCS

Para esta quinta-feira (10), estão previstas as duas paralisações – uma pela manhã, das 9h às 10h, nas comarcas e nos fóruns do interior; e outra à tarde, das 15h às 16h, no Fórum do Barro Duro, com a realização de ato.
Na sexta-feira (11), além da defesa do PCCS, os servidores do Judiciário vão aderir à paralisação nacional contra a PEC 55, do governo federal (a mesma 241 que já foi aprovada na Câmara), que veta investimentos no Serviço Público pelos próximos 20 anos. Nesse dia haverá ato público no Fórum do Barro Duro durante a manhã.
Em algumas comarcas, a paralisação de 1 hora já está acontecendo.

Deixe o seu comentário