30 de dezembro de 2015 • 4:11 pm

Blogs » Pequeno Polegar

Sogra paga viagem de Considerado para o Monte Aconcágua. Que confusão!

A mãe da namorada de nosso amigo Considerado chamou  filha para viajarem juntas. Dona Julita, a matriarca, pagou um pacote para romper o Ano Novo entre a Argentina e o…

Por: Pequeno Polegar
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page
Cume do Aconcágua

Cume do Aconcágua

A mãe da namorada de nosso amigo Considerado chamou  filha para viajarem juntas. Dona Julita, a matriarca, pagou um pacote para romper o Ano Novo entre a Argentina e o Chile.

O pacote inclui brinde com uma Veuve Clicquot no pico do monte Aconcágua, considerada a montanha mais alta das Américas, localizado na região Mendoza, nos Andes argentinos.

A jovem animada com o presente da mãe logo contou para o namorado que iria passar o réveillon muito longe de casa. Ele, com a cara de espanto, se insinuou:

– E eu não vou não é?

– Mainha não falou nada sobre você.

-Então se vire e diga para me incluir no pacote, afinal no Natal eu dei a ela um leitão, suíno saudável, de presente.

E lá se foi Manoela, a namorada, convencer a mãe a convidar o genro para ir na base do “zero oitocentos” a uma viagem internacional. A vela ficou possessa com a cara de pau do sujeito e ameaçou a desistir da programação. A confusão foi feia.

– Ele pensa que por causa de um suíno de qualidade mediana eu devo alguma coisa a ele?

– Não se trata de suíno, mamãe. Custa nada à senhora convidar o seu genro?

– Tem certas qualidades de genro que é melhor não ter.

-Não senhora, ele é um bom rapaz e eu gosto dele.

Enfim, Manoela bateu o pé firme no chão e disse à mãe que só iria com o namorado. A velha então cedeu e adicionou o Considerado no pacote. Pagou o triplo, mesmo revoltada.

Estão lá em Mendoza. Considerado só fazendo selfie e disparando as fotos para os grupos de whatsapp dos amigos. Em cada foto, uma legenda, tipo: “Domei a velha”!

Em uma das fotos enviadas, fez uma ameaça velada: – Se eu me abusar deixo essa velha no monte Aconcágua e vou pra Santiago com Manu.

Para o azar dele, dona Julita descobriu as mensagens enviadas e foi tomar satisfações.

– Como é essa história que você vai me deixar no Aconcágua e sumir com a minha filha?

– Foi brincadeira dona Julita?

-Isso é brincadeira que se tire com uma senhora de respeito e que está aqui pagando as suas contas?

-Também, a senhora quer transformar a minha vida num inferno.

-Inferno é ter você por perto gastando o meu dinheiro… Bebendo champanhe francês…

– Como é a história dona Julita?

– É isso mesmo.

-Mas, quando foi pra receber meu suíno de presente a senhora se derreteu toda…

-Se derreteu o quê, me respeite.

E ainda pediu outro pra presentear o padrasto do Batoré.

-Que Batoré? Aquele seu comparsa do Opala azul?

-Ele mesmo.

-Então quer saber, pegue seu suíno e bote no…

-Êpa! Cabe não sogrinha…

 

 

 

 

 

 

Deixe o seu comentário