19 de julho de 2017 • 7:04 pm

Bleine Oliveira » Blogs

SSP avisa: quem matar vai pra cadeia

O combate à violência em Alagoas tem foco no combate ao tráfico de drogas, mas também na prisão de suspeitos de homicídios. Os assassinatos estão na mira da SSP que,…

Por: Bleine Oliveira
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

O combate à violência em Alagoas tem foco no combate ao tráfico de drogas, mas também na prisão de suspeitos de homicídios.

Os assassinatos estão na mira da SSP que, segundo o secretário Paulo Domingos Lima Júnior, trabalha na investigação dos casos recentes (homicídios cometidos de três anos pra cá), e no passivo, ou seja, nos inquéritos com 10 anos ou mais.

Nesse sentido, o secretário afirma que estão sendo efetuadas prisões num volume “nunca visto antes”. A solução dos crimes é a prioridade da SSP, ressalta ele. Os lotes de prisões chegam a 30 mandados cumpridos, em média, a cada mês.

O trabalho está criando a ideia de que a impunidade chega ao fim.

Não sei se a ideia de impunidade está acabando. O que posso afirmar é que, com persistência, estamos chegando à solução dos crimes do passado e dos atuais. Quem comete crime tem que ser responsabilizado, independente da data” – declara Lima Júnior.

Disposto, o secretário, que é coronel fechado da Polícia Militar, tirou a farda para ocupar um cargo civil. Entretanto, garante que segue pronto para o enfrentamento com a bandidagem, sejam homicidas ou traficantes.

Assim seja!

Em tempo: é hora de familiares das vítimas, que aguardam puniçaõ para os algozes há muitos anos, se mobilizarem.

Deixe o seu comentário