12 de setembro de 2017 • 11:21 am

Brasil » Política

Temer ensaia pronunciamento oficial para rebater acusações contra PMDB

De acordo com o G1, o presidente está sendo incentivado pelos ministros Eliseu Padilha, Moreira Franco e o seu marqueteiro, Elsinho Mouco

Por: Vinicius Firmino
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A expectativa é grande para o presidente Michel Temer (PMDB) realizar um pronunciamento oficial, ainda nesta terça-feira, 12, sobre o resultado do inquérito que aponta integrantes, da alta cúpula peemedebista, de formar uma organização criminosa.

A informação é que o presidente está indignado com o documento divulgado nas mídias. A estratégia é exatamente usar a máquina pública para rebater o relatório. Um dos principais incentivadores para a decisão é o marqueteiro de Temer, Elsinho Mouco.

De acordo com o site G1, o ex-presidente do partido (que agora é dirigido por Romero Juca), Temer tem discutido com cautela, junto de seus ‘conselheiros-ministros’ Eliseu Padilha e Moreira Franco, sobre a possível declaração pública que pode ir ao ar.

De acordo com o relatório da PF, os investigadores encontraram indícios de formação de organização criminosa que envolvem o presidente Michel Temer, os ex-deputados Eduardo Cunha e Henrique Alves, o ex-ministro Geddel Vieira Lima e os ministros Moreira Franco e Eliseu Padilha, todos do PMDB.

Deixe o seu comentário