9 de março de 2017 • 7:33 am

Brasil

Temer investe R$ 1,6 bilhão em publicidade em 10 meses de gestão

Petrobrás e Banco do Brasil são os maiores contratos

Por: Da Redação
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this page

Desde que Michel Temer assumiu, em maio de 2016, ainda quando interino na presidência, o governo federal, em 10 meses,  licitou R$ 1,6 bilhão em publicidade, apesar da crise de caixa no Planalto.

Temer gasta R$ 1,6 bi em propaganda

Foram publicados 12 editais no período. Desses, 5 ainda estão em fase de licitação: Secretaria de Comunicação da Presidência, Banco do Brasil, Banco do Nordeste, Petrobras e BVEnergia.

As concorrências ainda sem definição somam R$ 1,3 bilhão (81% do total). Os maiores contratos são da Petrobras (R$ 550 milhões) e do Banco do Brasil (R$ 500 milhões).

A petroleira contratará duas agências por 1 período de 910 dias a contar da data de assinatura do compromisso. O Banco do Brasil pagará R$ 500 milhões a 3 empresas por 1 ano de serviço

Temer está sendo cobrado pelos grandes veículos de comunicação do País, que apoiaram sua ascensão ao poder, para investir mais nos veículos que o ajudaram a ser Presidente.

 

Deixe o seu comentário