10 de Janeiro de 2018 • 8:18 am

Blogs » Marcelo Firmino

Temer vai às últimas consequências para empossar Cristiane Brasil

É tudo uma questão mercado: o pai dela cobra a fatura pelo apoio do PTB ao governo de Michel

Por: Marcelo Firmino
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A política nacional é de fato e, historicamente, um grande mercado persa. Persa, aliás, por que todos dançam além da dança do ventre. Ou seja, ao som do enredo e da música que o animador de plantão coloca no ar.

A insistência de Michel Temer, o animador da hora, de manter a nomeação da deputada Cristiane Brasil como ministra do Trabalho, apesar de ser ela uma infratora contumaz da justiça do trabalho, mostra bem a desavergonhada e  desonrada atividade política no País, patrocinada pelos próprios atores investidos em seus mandatos populares.

Cristiane Brasil: desrespeito à Justiça do Trabalho

Apesar da decisão da justiça suspendendo a nomeação da filha do ex-deputado loroteiro Roberto Jefferson, Temer vai até às últimas consequências para empossar Cristiane no cargo.

Pouco importa o currículo, a fama de barraqueira e o completo desrespeito dela à justiça trabalhista. O trato feito é com o pai espaçoso e posudo.

A razão é simples: Jefferson é dono do PTB e o partido tem 20 votos no Congresso Nacional que são fundamentais para fortalecer a bancada do governo. Temer precisa desse votos para Reforma da Previdência. Se ele não nomear Cristiane Brasil, o pai da moça manda a bancada votar contra o governo.

Simples assim.

É exatamente isso: Quem trabalhou para colocar Temer no lugar que ele está, hoje cobra  fatura e o preço é salgado.

Para o povo brasileiro, diga-se de passagem.

1 Comentário

  1. Edvaldo disse:

    um absurdo essa mulher como ministra

Deixe o seu comentário