26 de junho de 2015 • 9:25 pm

Política

Vice de Aécio, Aloysio Nunes também foi denunciado com dinheiro desviado da Petrobrás

Delator diz que o senador recebeu R$ 200 mil UTC que foram desviados dos contratos da Petrobrás.

Por: Da Redação
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
Senador Aloysio: R$ 200 mil.

Senador Aloysio: R$ 200 mil.

Único nome do PSDB entre os 18 citados pelo empreiteiro Ricardo Pessoa, da UTC, como destinatário de doação eleitoral que teve como origem dinheiro desviado na Petrobras, o senador Aloysio Nunes (SP) negou conhecer o empresário. “Não conheço Ricardo Pessoa. Nunca o vi mais gordo e muito menos mais magro”, declarou o senador em nota divulgada nesta sexta-feira (26).

De acordo com a revista Veja, na delação premiada, Ricardo Pessoa contou que repassou R$ 200 mil à campanha de Aloysio em 2010, ano em que o tucano chegou ao Senado com a maior votação da história na Casa até hoje, com mais de 11 milhões de votos. O senador afirma que o valor foi “efetiva e legalmente” arrecadado e declarado à Justiça eleitoral.

“Em 2010, não havia operação Lava Jato e eu, como a imensa maioria dos brasileiros, não tinha conhecimento das relações promíscuas entre a UTC e a Petrobras”, ressaltou. No ano passado, Aloysio foi candidato a vice na chapa encabeçada por Aécio Neves (PSDB) na disputa presidencial. O senador questiona, no texto, a quem interessa envolver um nome da oposição no esquema de corrupção da Petrobras.

Deixe o seu comentário