21 de novembro de 2017 • 7:58 am

Blogs » Marcelo Firmino

Zuleido Veras faz uma reunião de amigos à bordo de jatinho em Macéio

Veras é dono da Gautama, empreiteira que esteve envolvida na Operação Navalha

Por: Marcelo Firmino
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A pista do aeroporto Zumbi dos Palmares recebeu há menos de 30 dias uma aeronave particular que lá ficou durante horas recebendo visitantes ilustres.

A maioria políticos e velhos amigos do proprietário do jatinho. À bordo os pilotos e o dono muito famoso nas bandas de cá, mas que não queria ser visto em público por razões que a justiça bem conhece.

Quem é ele?

Zuleido Veras, o empreiteiro da Gautama. Aquele mesmo da Operação Navalha.

Operação que em 2007 desarticulou um esquema de corrupção relacionado a obras públicas em várias partes do Brasil, incluindo Alagoas.

Os grampos telefônicos de conversas entre Zuleido e autoridades alagoanas, no entanto, foram anulados no Supremo Tribunal Federal pela ministra Carmem Lúcia, em 2016. Segundo ela, eram provas coletadas ilegalmente.

Mas, o esquema de corrupção envolveu o desvio de mais de R$ 180 milhões, segundo o Tribunal de Contas da União (TCU).

Em Alagoas, a  investigação apurou irregularidades na obra de macrodrenagem do Tabuleiro do Martins, em Maceió, e um suposto superfaturamento de R$ 14 milhões, no governo passado.

Vários políticos foram envolvidos no esquema e denunciados no processo da Justiça Federal

Mas, o certo é que Zuleido fez, recentemente, um pouso em Maceió e foi abraçado pelos amigos de sempre, mas sem sair da aeronave.

O que conversaram nem as turbinas do jatinho testemunharam. Sabe-se apenas que alguns dos que estiveram no  jatinho são candidatos em 2018.

Hein?

 

 

Deixe o seu comentário