12 de julho de 2020Informação, independência e credibilidade
Blog

Imposto para pagar salário das empregadas dos ricos? Sim, temos!

A “patroa”

Mirtes Renata Santana de Souza é funcionária-fantasma da Prefeitura Municipal de Tamandaré, interior de Pernambuco. Ganha pouquinho mais que um salário-mínimo.

Seria mais uma assombração nos corredores do setor público brasileiro, mas, não é.

Ela é mãe do menino Miguel Otávio Santana da Silva, aquele de cinco anos que morreu após cair do nono andar de um prédio, no Centro do Recife. Ele foi deixado no elevador, sozinho, pela patroa da mãe, SARI CORTE REAL, porque chorava muito por Mirtes, que tinha descido para passear com o cachorro da madame.

SARI CORTE REAL é de família rica e influente no Recife. Quem conta é o deputado Túlio Gadelha:

Ela é esposa do prefeito de… Tamandaré!!! O sobrenome do homem é tenebroso: Sérgio Hacker.

Entenderam? Tudo indica que a empregada doméstica do casal milionário e influente é paga com dinheiro público. Uma vergonha!

Nessa historia toda, além de ter perdido o filho, adivinha quem vai acabar pagando o pato?

Quero nem pensar mais, pois embrulha o estômago.

Nojo dessa “gente de bem”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.