31 de maio de 2020Informação, independência e credibilidade

Blog

Marcelo Lavenére sai do coma na luta contra o Covid após 44 dias de UTI

Marcelo Lavenére sai do coma na luta contra o Covid após 44 dias de UTI

Alagoas, Blog, Marcelo Firmino
Após 44 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Arthur Ramos, o ex-presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, Marcelo Lavenére, acorda do coma e reage bem ao tratamento contra o coronavírus. A esperança está em alta com a reação de Lavenéra na luta contra o Covid-19. Desde os primeiros dias no hospital ele é apontado como um guerreiro na luta pela vida. Assim como foi em toda a sua trajetória de vida como líder dos advogados brasileiros, Lavenére vai conquistando mais uma vitória contra mais um inimigo poderoso. Neste caso específico, resistindo ao Covid-19 e a uma infecção hospitalar. Segundo os boletins médicos ele acordou, aparentemente, sem nenhuma lesão neurológica.
Na PF Bolsonaro quer proteger filhos e amigos do rei: 01 tentou 10 vezes

Na PF Bolsonaro quer proteger filhos e amigos do rei: 01 tentou 10 vezes

Blog, Justiça, Marcelo Firmino
O vídeo da reunião ministerial precisa vir mesmo à luz do dia, de preferência com todas as virgulas, interrogações, exclamações e até as pausas das respirações. A transparência acima de tudo e de todos. Da forma como tudo está posto, o que se tem é que sua excelência, Jair Bolsonaro, queria proteger da Polícia Federal, além dos filhos os amigos. Aquela história de que o rei e sua corte são intocáveis. Ou seja, o homem também estava preocupado com as repercussões das investigações da PF sobre seus aliados. Entre os aliados está o sumido, mais uma vez, Fabrício Queiroz. Aquele, amigo de todas as horas, que, com Flávio Bolsonaro, montou um esquema de corrupção com dinheiro da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. O caso, aliás, está no Superior Tribunal de Justiça,
Fraude no auxílio: Quase 190 mil policiais militares receberam R$ 600

Fraude no auxílio: Quase 190 mil policiais militares receberam R$ 600

Blog, Marcelo Firmino
Depois de um esforço conjunto do Congresso Nacional para o Executivo criar o auxílio emergencial, com o objetivo de atender trabalhadores autônomos e desempregados do País, em meio a pandemia, percebe-se agora que quase 190 mil policiais militares se inscreveram e receberam o equivalente a R$ 600. Uma nota oficial dos ministérios da Defesa e da Cidadania confirma que militares ativos, inativos, de carreira e temporários receberam de forma fraudulenta o chamado "coronavoucher". O dinheiro, vale repetir, era para trabalhadores informais, desempregados e microempreendedores individuais. Se alguém inseriu militares, cujos salários estão sendo pagos normalmente, fraudou o processo na maior cara de pau.   E agora? A confusão estabelecida é tão maluca e incompetente, qu
No mercado da fé Waldemiro Santiago é um picareta; mas não sozinho

No mercado da fé Waldemiro Santiago é um picareta; mas não sozinho

Blog, Brasil, Marcelo Firmino
Uma grande parcela dos brasileiros se escandalizou quando o senhor Waldemiro Santiago, líder da Igreja 'Mundial do Reino de Deus' começou a vender sementes  de feijão aos seus seguidores por até R$ 1 mil, com o argumento de que era a cura para o coronavírus. Escandalizou-se mas não devia. Santiago e uma grande leva de parceiros dele de igrejas evangélicas neopentecostais são, de fato, uns picaretas que apostam na ignorância das pessoas, dentro do mercado da fé que criaram, para faturarem alto. Não são outra coisa: são ladrões. Enganadores abusados, enriqueceram explorando suas vítimas. Seus seguidores, em grande maioria, são pessoas simples com todos os problemas de carência que um ser humano pode ter. Um filão para os falsos profetas. Oséas, já dizia na Bíblia (Cap. 4 V
O mal paralelo: Reflexos do coronavírus nos números da violência doméstica

O mal paralelo: Reflexos do coronavírus nos números da violência doméstica

Blog, Por Elas
Uma das faces cruéis da era Coronavirus, além, é claro, do alto índice de morbidade e do caráter isolacionista da doença, tem sido os conflitos de convivência doméstica, revelados, principalmente, no aumento dos índices de violência contra a mulher em vários estados brasileiros, inclusive Alagoas. A Justiça estadual já concedeu, entre o início dos meses de janeiro e maio deste ano, cerca de 250 medidas protetivas para mulheres vítimas de violência doméstica, e o maior impulso desse crescimento ocorreu após o início da quarentena. Até a terça-feira passada (5), Assessoria de Planejamento e Modernização do Poder Judiciário de Alagoas contabilizava 233 medidas concedidas - e essa média de quase duas por dia, registrada nos quatro primeiros meses de 2020, vem se mantendo nos últimos sete di
Matem os CPFs, mas salvem os CNPJs da elite e a reeleição de Bolsonaro

Matem os CPFs, mas salvem os CNPJs da elite e a reeleição de Bolsonaro

Blog, Marcelo Firmino, Política
  Desde o início da pandemia do coronavírus que o Brasil não tem um plano de combate efetivo à doença. Enquanto o mundo inteiro tratou de se cuidar para salvar vidas, as autoridades aqui ficaram a tergiversar e a ridicularizar o vírus como uma “gripezinha”. A preocupação, desde então, era salvar empresários. Trataram a economia como algo bem superior as vidas humanas. Assim foi com o presidente da República, que até hoje faz campanha pela reabertura do comércio, bem como empresários que chegaram até a fazer propaganda, valorizando o sanduíche que vende e menosprezando “5 ou 7 mil mortes” de brasileiros na pandemia. Este pelo menos foi o caso do senhor Júnior Durski, dono do restaurante Madeiro. Na porta de sua loja fez a divulgação de que o importante era vender sanduí

Sim! Você tem bandido de estimação!

Blog, Wagner Melo
Na volta, a gente compra. Quem nunca ouviu essa mentira? Nestes tempos, tem outra que tem se tornado clássica. É a famosa “não tenho bandido de estimação”. Geralmente, quem fala isso quer justificar sua escolha política pela bandidagem. É aquele tiozão com foto de óculos escuros no carro e a camisa da CBF. Ou a tiazinha que tem no perfil a foto de um olho verde e amarelo chorando. Pregam abertamente o individualismo e a exclusão social e a cara nem arde de compartilhar versículos bíblicos além de repetir, falsamente, que Maria está sempre na frente. Mentira! Se admirassem Maria e o filho dela jamais defenderiam a agiotagem, extorsão de dinheiro de comerciantes e de moradores em troca de "segurança compulsória", além de assassinatos para "manter a ordem". Estas são alg
Guilherme Palmeira, um democrata de respeito, segundo amigos e oposição

Guilherme Palmeira, um democrata de respeito, segundo amigos e oposição

Blog, Marcelo Firmino
Guilherme Gracindo Soares Palmeira, "o Guillerme", como assim chamavam os amigos dele, era uma espécie de unanimidade entre os homens verdadeiramente de bem em Alagoas. Nos cargos públicos que ocupou deixou sua marca como gestor e pessoa leal aos princípios de dignidade, justiça e respeito à cidadania. No governo de Alagoas, sua função mais emblemática para os alagoanos, na reta final da ditadura militar, agiu, no entanto, como um democrata, que fez do diálogo à direita e à esquerda sua principal marca. Para isso levou ao seu governo (1979 a 1982) um time de colaboradores com esquerdistas, direitistas, centristas e até isentões, que trabalharam em função do desenvolvimento do Estado. José Bernardes Neto, Evilásio Soriano, Padre Humberto Cavalcanti, José de Melo Gomes, Rui G
O dia em que o Considerado foi ao cercadinho do Alvorada e bateu boca com o mito

O dia em que o Considerado foi ao cercadinho do Alvorada e bateu boca com o mito

Blog, Pequeno Polegar
De quarentena em casa, como cuidador de duas idosas, a avó Nildinha e a Cega Dedé, de PJ, Considerado já meio estressado com o noticiário da pandemia, as diatribes do Presidente Jair Bolsonaro e o destrambelhamento de parte dos seguidores do chefe da nação, resolve cometer uma loucura. Num estalo, cismou de ir a Brasília para dizer "umas verdades" ao presidente. -Onde já se viu 7 mil mortos no País, até agora, por causa do vírus, e esse cara dizer que era uma gripezinha? - Falou consigo mesmo. E, revoltado, continuou sua falação dentro do que considerou uma aberração praticada por um governante. - O povo morrendo e esse homem fazendo piadas, dando rolé nas ruas de Brasília, tossindo na cara das pessoas, limpando o nariz com a mão e com ela suja apertando as mãos de outras pessoas