13 de dezembro de 2019Informação, independência e credibilidade
Policia

Calote de R$ 250 mil: Quadrilha com um militar da reserva é presa por falsificação de documentos

O delegado responsável pela investigação fala em prejuízos de mais de R$ 250 mil

Uma operação policial prendeu seis pessoas, entre elas um policial militar da reserva, acusados de falsificar documentos em Maceió, São Miguel dos Campos e cidades do interior de Pernambuco, em um esquema que envolvia compras de carro e cartões de crédito obtidos.

Foram 12 os mandados cumpridos em Maceió e Marechal Deodoro. No momento da prisão, o policial militar da reserva estava com um documento de identidade falsificado e por isso foi preso em flagrante delito. Na ocasião, uma guarnição da Rádio Patrulha foi acionada para efetuar a condução do policial preso.

Os presos formavam uma quadrilha que usava os documentos faltos para crédito e realizar compras em Alagoas e Pernambuco, causando grande prejuízo para os comerciantes nos dois estados. Thiago Prado, o delegado responsável pela investigação, fala em prejuízos de mais de R$ 250 mil.

Foram quatro meses de investigação da Divisão Especial de Investigação e Captura (Deic), com os mandados de busca, apreensão e prisão emitidos pela 17ª Vara Criminal da Capital.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.