11 de agosto de 2020Informação, independência e credibilidade
Economia

Dólar despenca na maior queda semanal desde 2008 e fecha abaixo de R$ 5

É a primeira vez que a moeda americana fecha abaixo desse patamar desde 26 de março

O dólar comercial fechou essa semana em queda de 2,8%, vendido a R$ 4,988, o menor valor desde 13 de março (R$ 4,813). É a primeira vez que o dólar fecha abaixo de R$ 5 desde 26 de março.

Assim, a moeda fechou a semana com queda acumulada de 6,6%, a maior desde outubro de 2008. Também foi a terceira queda semanal seguida. No ano, porém, o dólar ainda acumula alta, de 24,29%.

O Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores brasileira, emendou a sexta alta diária, de 0,86%, e fechou a 94.637,06 pontos. É o maior patamar desde 6 de março (97.996,77 pontos). Na semana, o índice acumulou alta de 8,28%, o terceiro avanço semanal seguido. Em 2020, a Bolsa tem queda acumulada de 18,17%.

Em um mercado altamente especulativo, investidores reagiram positivamente aos índices emprego nos Estados Unidos e ficaram otimistas em relação a uma retomada da atividade nas principais economias devido aos relaxamentos graduais das restrições. Isso, claro, até uma eventual segunda onda da pandemia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.