1 de abril de 2020Informação, independência e credibilidade
Política

Incêndios na Austrália fazem Lorenzoni ironizar presidente francês

Segundo o ministro da Casa Civil, “o silêncio de Macron e dos verdes europeus é a prova de que nunca se tratou de preservação ambiental, e sim de ideologia e mentiras”

Guardando ressentimentos, o ministro chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, usou as redes sociais nesta quarta-feira para criticar a postura do governo francês em relação aos incêndios na Austrália.

Lamentando a perda de vidas por causa do fogo no maior país da Oceania, ele aproveitou para relembrar a polêmica com o presidente da França, Emmanuel Macron, que em agosto do ano classificou as queimadas na Amazônia como uma “crise internacional“.

Segundo o ministro da Casa Civil, “o silêncio de Macron e dos verdes europeus é a prova de que nunca se tratou de preservação ambiental, e sim de ideologia e mentiras” disse Lorenzoni.

Ele, no entanto, não relatou que o ministério do Meio Ambiente recusou auxílios financeiros internacionais em uma incrível sabotagem, o diretor do Inpe foi demitido após denunciar as queimadas, o ministério do Exterior corrigiu a Nasa dizendo que os focos eram apenas fogueiras, o presidente Bolsonaro afirmou que a Amazônia não pega fogo por ser úmida, o ministério da Justiça ignorou o “dia do fogo” e até Leonardo DiCaprio foi acusado de financiar a queima em território brasileiro.

A Austrália está em chamas e autoridades atuam para combater as chamas

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.