28 de maio de 2020Informação, independência e credibilidade
Policia

Operação Neutra prende envolvidos em tráfico de drogas e homicídios em Maceió

Foram presos seis homens e três mulheres que atuavam principalmente no tráfico de drogas no Vale do Reginaldo

A Secretaria de Estado da Segurança Pública de Alagoas, em conjunto com as Polícias Civil e Militar, deflagrou na manhã desta sexta-feira (08), uma operação integrada com o objetivo de combater o tráfico de drogas e homicídios no Vale do Reginaldo, no bairro do Poço, em Maceió.

Batizada de Operação Neutra, a ação teve como objetivo cumprir 11 mandados de prisão. As investigações duraram cerca de 14 meses e foram conduzidas pela Divisão Especial de Investigações e Capturas (DEIC), coordenada pelo delegado Gustavo Henrique, e tiveram colaboração do 1° Batalhão de Polícia Militar.

Os mandados de prisão foram representados pela Deic e a 17ª Vara Criminal da Capital expediu os mandados com base nas provas técnicas apresentadas, que detectou a participação dos integrantes de uma organização criminosa na prática de delitos em Maceió.

De acordo com as investigações, os criminosos atuavam principalmente no tráfico de drogas no Vale do Reginaldo, no bairro do Poço.

Foram presos seis homens e três mulheres em cumprimento aos mandados de prisão expedidos. As prisões aconteceram no Vale do Reginaldo e imediações e no bairro Santa Lúcia. De acordo com as investigações, eles eram responsáveis pela venda e transporte das drogas.

Todos foram encaminhados para a DEIC, no bairro da Santa Amélia, para que fossem realizados os devidos procedimentos legais.

Participaram da operação equipes da DEIC, Tigre, Asfixia, do 1º Batalhão da Polícia Militar, 5º Batalhão da Polícia Militar, Batalhão de Policiamento de Eventos (BPE), Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran), Comando de Policiamento da Capital (CPC) e o Grupamento Aéreo da SSP.

A população pode auxiliar o trabalho da Segurança Pública colaborando com informações sobre esta e outras organizações criminosas por meio de ligações para o número 181 ou utilizando o aplicativo Disque-Denúncia. O sigilo é garantido e a ligação telefônica gratuita.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.