31 de maio de 2020Informação, independência e credibilidade
Alagoas

Operação policial prende suspeitos de tráfico de drogas em Maceió

Ficou constatada a atuação de dois grupos criminosos nos bairros do Ouro Preto e Cidade Universitária

Duas organizações criminosas foram desarticuladas durante uma operação integrada realizada pela Secretaria de Estado da Segurança Pública e as Polícias Civil e Militar, nesta quinta-feira (16). A ação combateu o tráfico de drogas em Maceió nos bairros do Ouro Preto e Cidade Universitária.

A operação é fruto de um trabalho investigativo que vinha sendo realizado desde setembro do ano passado, quando houve a deflagração da operação Lacaio.

A Divisão Especial de Investigações e Capturas (Deic) representou os mandados, e a 17ª Vara Criminal da Capital expediu sete mandados de prisão e nove de busca e apreensão, que foram cumpridos nesta manhã.

Ficou constatada a atuação desses dois grupos criminosos nos bairros citados. Uma delas agia principalmente no bairro do Ouro Preto e a outra no Cidade Universitária, sendo que nesta, o grupo era liderado por um comerciante que atua no setor de revenda de peças de veículos usados.

Ambas organizações criminosas tinham como principais produtos comercializados a cocaína e a maconha. Foram presos dois homens e duas mulheres, sendo que entre os presos estão os líderes das organizações criminosas.

As prisões aconteceram nos bairros do Ouro Preto e Cidade Universitária. Com eles foram apreendidos celulares e uma pequena quantidade de drogas.

Todo o material foi encaminhado junto com os presos para a sede da Deic, no bairro da Santa Amélia, para a realização dos devidos procedimentos cartorários. Participaram da operação equipes do Batalhão de Operações Especiais (Bope), Radiopatrulha (BPRp), Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran), além de agentes da Asfixia, Tigre e Deic.

A população deve auxiliar o trabalho da Segurança Pública colaborando com informações sobre esta e outras organizações criminosas por meio de ligações para o número 181 ou utilizando o aplicativo Disque-Denúncia. O sigilo é garantido.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.