11 de dezembro de 2019Informação, independência e credibilidade
Maceió

Prefeitura fará cadastro complementar na encosta do Mutange

Serão visitados os imóveis localizados na área rosa claro do Mapa de Setorização de Danos,

Reunião realizada na Defesa Civil com lideranças comunitárias. Foto: Ascom Seminfra

A Prefeitura de Maceió inicia nesta quarta-feira (04) um cadastro complementar dos moradores da encosta do Mutange e do Jardim Alagoas.

Serão visitados os imóveis localizados na área rosa claro do Mapa de Setorização de Danos, que não se cadastraram no mês de julho ou deixaram pendências documentais. As informações foram passadas para as lideranças comunitárias da região, na manhã desta terça-feira (3).

As equipes de campo da Defesa Civil, Secretaria Municipal de Assistência Social e da Habitaçaõ Popular da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra) irão de casa em casa, percorrendo as comunidades para alcançar mais de 900 unidades habitacionais.

Serão atendidas nessa etapa os moradores que ainda não se cadastram  ou que se cadastraram, mas precisam fazer complementação cadastral por não terem apresentado toda a documentação exigida.

Após receberem a visita das equipes de campo, os responsáveis pelos imóveis receberão um encaminhamento para se dirigir à Escola Municipal Edécio Lopes, no Pinheiro, a fim de realizar o cadastro habitacional do programa Minha Casa Minha Vida (MCMV), do governo federal.

Atendimento

Na escola, o atendimento será realizado das 9h às 12h e das 13h às 16h, de quarta-feira (04) à sexta-feira (06).

“É importante ressaltar que na quarta e na quinta só será atendida a população que ainda não fez o cadastro. Na sexta-feira (06), iremos atender apenas quem já fez o cadastro, mas está com a documentação incompleta”. Karla Moura, diretora Social de Proteção e Defesa Civil.

Em reunião nesta terça-feira (03), representantes da Prefeitura de Maceió informaram às lideranças  lideranças comunitárias os detalhes sobre a ação. Os líderes acompanharão as equipes de campo, com a finalidade de auxiliar no trabalho de identificação dos moradores e facilitar o acesso às comunidades.

Documentação necessária – cópia e original – de todos os integrantes da família

  • NIS – Número de Identificação Social;
  • RG e CPF;
  • Título de eleitor;
  • Certidão de nascimento, casamento, averbação de divórcio ou atestado de óbito, quando viúvo;
  • Certidão de nascimento dos filhos;
  • Comprovante de residência;
  • Carteira de trabalho;
  • Comprovante de recebimento de pensão, aposentadoria e/ou Loas;
  • Atestado médico com espécie, grau nível e CID da doença, caso tenha alguma pessoa com deficiência na composição familiar.

Os casais casados ou em união estável devem comparecer com todas as documentações das duas pessoas.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.