31 de maio de 2020Informação, independência e credibilidade
Alagoas

Sesau confirma terceira morte por Covid-19 em Alagoas

Uma idosa de 77 anos, que residia em São Paulo e estava em Maceió para visitar familiares, morreu no Hospital Veredas

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) informa que Alagoas registrou, nesta quarta-feira (8), o 37º caso confirmado e o terceiro óbito pela Covid-19. Os dados constam no Boletim Epidemiológico 33 apontam a ocorrência de 261 casos suspeitos e 589 descartados.

O terceiro óbito trata-se de uma idosa de 77 anos, que residia em São Paulo, estava em Maceió para visitar familiares e morreu no Hospital Veredas. A primeira morte, confirmada no dia 31/03, foi de um aposentado de 64 anos; já a segunda, cujo resultado foi divulgado no dia 03/04, foi também de um aposentado de 78 anos.

Quanto aos casos confirmados, 31 residem no Estado, sendo 27 em Maceió e quatro no interior, uma vez que Porto Real do Colégio tem um caso, Marechal Deodoro aparece com dois e Palmeira dos Índios surge um caso. As outras seis pessoas que testaram positivo para a Covid-19 residem no Rio de Janeiro (2), em Brasília (2) e em São Paulo (2).

Fim do isolamento social

Ainda de acordo com a Sesau, dos 37 casos confirmados em Alagoas para a Covid-19, 11 já finalizaram o isolamento domiciliar e não apresentam mais sintomas da doença.

Terceiro óbito

Alagoas registrou, na tarde desta quarta-feira (8), a terceira morte por Covid-19. Trata-se de uma turista que residia em São Paulo, de 77 anos, que era hipertensa, e morreu no Hospital Veredas, em Maceió. Segundo o relato de familiares, a vítima esteve em Maceió para visitar familiares. Sete dias após chegar à capital alagoana, ela apresentou os primeiros sintomas da Covid-19.

No último dia 29 de março, a vítima procurou atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Jacintinho. Ao dar entrada no serviço de saúde, ela alegou estar com um desconforto respiratório, sentindo falta de ar, segundo o prontuário médico, com sintomas leves, não havendo a necessidade do uso de ventilação mecânica.

No mesmo dia, o Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (Cievs) foi acionado, notificou o caso suspeito e coletou material biológico para a realização do exame laboratorial. Após ter passado por todos os procedimentos, a idosa de 77 anos foi transferida para o Hospital Veredas, no dia 2 de abril.

Um dia depois, no dia 3 de abril, o Laboratório Central de Alagoas (Lacen/AL) divulgou que o exame apresentou resultado positivo para a Covid-19. A aposentada estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Veredas e, no último dia 4, precisou ser entubada, evoluindo para óbito quatro dias depois.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.