28 de janeiro de 2020Informação, independência e credibilidade
Blog

Só é contra juiz de garantias quem não respeita a lei e vende sentenças

O poder judiciário não está imune aos corruptos

O que é mesmo o juiz de garantias que o ministro Sérgio Moro tanto odeia?

Pois bem. Segundo a lei, o juiz de garantias será o responsável “pelo controle da investigação criminal e pela salvaguarda dos direitos individuais”.

Ou seja, não se trata de nenhuma excrescência, aberração ou coisa parecida. É a autoridade que passará o pente fino no processo na forma da lei.

E como diz o decano Celso de Mello,  “a figura do juiz de garantias constitui inestimável conquista da cidadania”.

Imagine quando o processo é conduzido por um juiz acostumado a receber propina, vender sentença e está  tratando exatamente de seus interesses em um caso. O juiz de garantias obviamente perceberá .

Só não atuará pelo caminho da legalidade se for corrupto igual ao colega.

O juiz de garantias não interessa aos que abusam de autoridade, legalizam provas forjadas, não respeitam direitos elementares do cidadão. O Juiz de garantias não interessa a magistrado corrupto.

O Poder Judiciário não está imune deles. Pelo contrário.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.