8 de agosto de 2020Informação, independência e credibilidade

Tag: Casal

Asfalto cede novamente no Pinheiro e afunda veículos

Asfalto cede novamente no Pinheiro e afunda veículos

Expresso, Maceió
Na manhã desta sexta (31), o asfalto cedeu na Rua Arsênio Fortes, no bairro do Pinheiro. Com isso, dois veículos afundaram parcialmente. Nem mesmo um ônibus se salvou. Um dos carros havia feito uma parada rápida em um mercado. Foram precisos poucos minutos para atolar o carro. O local passa por uma obra de saneamento básico feita pela Casal, que tinha previsão para encerrar nesta sexta, e houve muita chuva nesta noite, mas vale lembrar: foi no bairro do Pinheiro que começaram as reclamações do afundamento do solo. Após tremores de terra e a realizações de laudo, chegou-se a conclusão que a região fora prejudicada pela extração de sal-gema, realizada há décadas pela Braskem. Parte dos moradores já deixaram a região. Mas não há imóveis da Rua Arsênio Fortes presentes
Obra da Casal interdita via no Pinheiro a partir de segunda

Obra da Casal interdita via no Pinheiro a partir de segunda

Maceió
A obra de esgotamento sanitário que seria iniciada pela Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) no bairro do Pinheiro, na sexta-feira passada (24), tem início na manhã desta segunda-feira (27). E o trânsito local precisou ser alterado pela Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) . A partir de segunda, o trecho da Rua Bernardo Lopes, que fica por trás da Casa Vieira, será bloqueado. Os motoristas que trafegarem pela Avenida Fernandes Lima no sentido Tabuleiro/ Centro que quiserem acessar a Rua Tereza de Azevedo deverão virar à direita na Avenida Comendador Francisco de Amorim Leão (rua do Shopping Farol), depois acessar à direita novamente na Rua Dr. João de Azevedo Filho. A partir deste ponto, os veículos poderão entrar à direita na Rua Tereza de Azevedo, d
Obra da Casal vai interditar via no Pinheiro a partir de segunda

Obra da Casal vai interditar via no Pinheiro a partir de segunda

Maceió
A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) informa aos condutores de veículos que a obra de esgotamento sanitário que seria iniciada pela Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) no bairro do Pinheiro, nesta sexta-feira (24), foi adiada para a próxima segunda-feira (27). A partir de segunda, o trecho da Rua Bernardo Lopes, que fica por trás da Casa Vieira, será bloqueado. Os motoristas que trafegarem pela Avenida Fernandes Lima no sentido Tabuleiro/ Centro que quiserem acessar a Rua Tereza de Azevedo deverão virar à direita na Avenida Comendador Francisco de Amorim Leão (rua do Shopping Farol), depois acessar à direita novamente na Rua Dr. João de Azevedo Filho. A partir deste ponto, os veículos poderão entrar à direita na Rua Tereza de Azevedo, de onde dever
Obra da Casal altera trânsito na Rua Tereza de Azevedo

Obra da Casal altera trânsito na Rua Tereza de Azevedo

Maceió
A partir desta quarta-feira (15), a Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) realizará uma obra na Rua Tereza de Azevedo, no bairro da Gruta de Lourdes. Devido à execução do serviço, um trecho da via será temporariamente bloqueado para o tráfego de veículos. Agentes da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) estarão no local para melhor orientar os condutores. Com a obra, os condutores que seguirem pelo sentido Centro/ Tabuleiro da Avenida Fernandes Lima e quiserem acessar a Avenida Rotary deverão virar à direita na Rua Roberto Simonsen, que fica ao lado do Hospital Veredas, e em seguida virar à direita no Eixo Viário Quartel. A partir deste ponto, os motoristas deverão virar à direita novamente na Rua Tereza de Azevedo, em seguida entrar à esquerda na Ru
Casal não vai reajustar da tarifa de água neste ano

Casal não vai reajustar da tarifa de água neste ano

Expresso
A Agência Reguladora dos Serviços Públicos (Arsal) decidiu nesta quarta-feira (6) que neste ano não haverá reajuste na tarifa da água distribuída pela Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal). O preço da mesma só sofrerá alteração em 2021. Cerca de 2 milhões de usuários em 77 municípios de Alagoas devem ser beneficiados com a medida. De certo, um alívio diante de tantas incertezas provocadas pela pandemia do novo coronavírus. É a primeira vez desde 2014 que não acontece o reajuste anual.
Governo suspende contrato com a Casal por 120 dias

Governo suspende contrato com a Casal por 120 dias

Alagoas
Por conta da pandemia do novo coronavírus, muitos empreendimentos tiveram suas atividades suspensas. Diante disso, o Governo do Estado, por meio da Companhia de Abastecimento de Alagoas (Casal), concedeu o benefício da suspensão do Contrato de Demanda por até 120 dias, já que o consumo de água caiu drasticamente neste período. A medida visa minorar os impactos da crise causada pela proliferação da doença neste momento. O presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH) -  um dos segmentos beneficiados com a medida -, André Santos, conta que esta foi uma reivindicação dos empresários do setor atendida pelo executivo estadual. “Nos agrada a medida do Governo com relação a Casal porque, com 90% dos hotéis fechados, não temos como pagar por uma demanda de água que n
Inácio Loiola solicita suspensão da cobrança da Casal para moradores com tarifa social

Inácio Loiola solicita suspensão da cobrança da Casal para moradores com tarifa social

Expresso
Na sessão desta quinta-feira (16), na Assembleia Legislativa de ALagoas, uma matéria do deputado Inácio Loiola (PDT) pede ao governador do Estado e aos diretores-presidentes da Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) e da Equatorial Energia Distribuição Alagoas, a suspensão por 60 dias da cobrança da tarifa mínima de água dos consumidores que se enquadram no padrão básico da tarifa social. Além de precisarem registrar consumo de até 10 metros cúbicos ao mês, eles seriam desonerados de custos com pagamento de tarifa mínima de energia daqueles consumidores que estão nas faixas de consumo médio de 80 kw/h. “Ademais, durante período de cumprimento necessário de quarentena ou isolamento, as famílias deverão contribuir com o racionamento destes recursos naturais, ou seja, consumir menos e
Davi Maia destaca condenação da Casal por poluição da orla de Maceió

Davi Maia destaca condenação da Casal por poluição da orla de Maceió

Expresso, Maceió
O deputaso Davi Maia (DEM) informou, durante a sessão plenária desta terça-feira, 10, que a 1ª Turma do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5) confirmou a condenação da Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal), do Estado de Alagoas e do município de Maceió por despejo de esgoto sem tratamento no mar da capital alagoana. “Ela é a grande responsável pelos esgotos que chegam as nossas praias. Inclusive, na sua decisão, o magistrado alega que a Casal sobrecarrega o nosso sistema de saúde, já que os peritos confirmaram a contaminação do solo que causa doenças como hepatite, micose, otite e conjuntivite". Davi Maia, DEM. Leia mais Davi Maia denuncia crime ambiental cometido pela Casal Davi Maia defende privatização da Casal e critica manifestantes Por fim, Davi Maia lembrou que já
Casal investe R$ 18 milhões no abastecimento do Sertão alagoano

Casal investe R$ 18 milhões no abastecimento do Sertão alagoano

Alagoas
O Sistema Coletivo do Sertão, responsável por abastecer seis cidades e beneficiar mais de 120 mil habitantes, recebeu quase R$ 10 milhões em investimentos do Governo do Estado, por meio da Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal). Já em Inhapi, outros R$ 8 milhões foram investidos na construção de um sistema individual, composto por uma Estação de Tratamento de Água (ETA), captação e adutora. As unidades que passaram por melhorias foram visitadas pelo presidente Clécio Falcão e pelo vice-presidente de Gestão de Serviços de Engenharia, Geraldo Leão, nestas quarta (12) e quinta-feira (13). Na Estação de Tratamento de Água (ETA) Alto Sertão, situada em Pariconha, os gestores da Companhia, acompanhados pelo gerente da Unidade de Negócio Sertão, André de Souza, e por técnicos da
Casal inicia execução de obras para melhorar abastecimento de Arapiraca

Casal inicia execução de obras para melhorar abastecimento de Arapiraca

Alagoas, Expresso
A Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) iniciou as obras de implantação dos Distritos de Medição e Controle (DMCs), Válvulas Reguladoras de Pressão (VRPs) e 25 quilômetros de redes primárias em Arapiraca, Agreste alagoano. Os serviços somam quase R$ 12 milhões com recursos próprios da empresa estadual. O objetivo é otimizar a oferta de água à população e equalizar a pressão na rede, o que vai resultar em redução do número de vazamentos e, ao mesmo tempo, diminuição de perdas e de custos com energia elétrica e com produtos químicos. Assim, não haverá aumento da oferta de água, e sim melhor distribuição, beneficiando assim 235 mil habitantes. O consórcio que está fazendo as obras  é formado pelas empresas Telesil Engenharia e BBL NE Soluções em Engenharia.