11 de agosto de 2020Informação, independência e credibilidade

Tag: dólar

China aumentará tarifas de produtos dos EUA e dólar dispara no Brasil

China aumentará tarifas de produtos dos EUA e dólar dispara no Brasil

Economia
Depois que o governo americano elevarem, de 10% para 25%, as tarifas contra US$ 200 bilhões (R$ 791,4 bilhões) em produtos chineses na semana passada, a China anunciou que vai elevar para 25% as tarifas contra quase 3.000 produtos importados dos Estados Unidos, acirrando a guerra comercial entre as duas potências. Essa medida envolve US$ 60 bilhões (R$ 237,4 bilhões) em bens americanos importados dos chineses e começa a valer em 1º de junho. O presidente dos EUA, Donald Trump chegou a alertar nesta segunda-feira (13) a China para que não retaliasse e disse que o país seria "duramente afetado se não fizer um acordo". Repercussão no Brasil O cenário externo está afetando o mercado, com investidores cautelosos, monitorando as tensões comerciais entre Estados Unidos e China. O aci
Maior valor desde outubro: Dólar fecha cotado a R$ 3,99

Maior valor desde outubro: Dólar fecha cotado a R$ 3,99

Economia
O dólar subiu 1,62% nesta quarta-feira, 24, e fechou negociado, em média, aos 3,9863 reais, atingindo a maior cotação desde 1º de outubro de 2018, quando a moeda bateu nos 4,01 reais. A alta ocorreu principalmente devido ao movimento global de valorização do dólar em relação a moedas de outros países. A demora na aprovação da reforma da Previdência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados também deixou os investidores cautelosos e impulsionou a valorização da moeda. O cenário externo foi marcado por sinais de força da economia dos Estados Unidos em relação ao resto do mundo e por notícias sobre impasses nas negociações entre os partidos trabalhista e conservador no Reino Unido, o que implica em um movimento de desconfiança dos investidores estrangeiros