29 de fevereiro de 2020Informação, independência e credibilidade

Tag: Saúde

Secretaria de Saúde: Alagoas está preparada para atender casos de coronavírus

Secretaria de Saúde: Alagoas está preparada para atender casos de coronavírus

Alagoas
Em entrevista coletiva nesta sexta-feira (28), no auditório do Hospital da Mulher, em Maceió, o secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, esclareceu à população que Alagoas está preparada para lidar com as ações de prevenção e tratamento em caso de confirmações de pessoas diagnosticadas com o Covid-19, conhecido como novo Coronavírus. O secretário explicou que o caso suspeito, de um residente de Maceió, de 66 anos, que retornou recentemente da França, segue em pleno monitoramento junto ao Ministério da Saúde (MS). “O paciente está em isolamento domiciliar e as pessoas que tiveram contato com ele estão sendo observadas”. Alexandre Ayres, secretário de Estado da Saúde de Alagoas. Alexandre Ayres reforçou que não existe a necessidade para pânico e que a principal medida prevent
Bolsonaro culpa coronavírus pela alta do dólar, que pode se manter nesse patamar

Bolsonaro culpa coronavírus pela alta do dólar, que pode se manter nesse patamar

Economia
O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) culpou nesta quinta-feira (27) o surto do novo coronavírus nela nova escalada do dólar e afirmou que tem falado com o ministro da Economia, Paulo Guedes. Mas negou que interfira na atuação do Banco Central, responsável pela política monetária e comandado pelo Roberto Campos Neto. "Estamos tendo problema nesse vírus aí, o coronavírus. O mundo todo está sofrendo. As Bolsas estão caindo no mundo todo, com raríssimas exceções. O dólar também está se valorizando no mundo todo, e no Brasil o dólar está R$ 4,40. A gente lamenta, porque isso aí, mais cedo ou mais tarde, vai influenciar naquilo que nós importamos, até no pão, o trigo. Vai influenciar". Jair Bolsonaro, presidente. Na verdade, a cotação da moeda americana nesta quinta-feira (27) fechou
Novo coronavírus tem letalidade maior que a do sarampo

Novo coronavírus tem letalidade maior que a do sarampo

Brasil
A taxa de letalidade do novo coronavírus, ou seja, a quantidade de pessoas mortas em relação ao total de diagnosticadas, é de 3,4%. É uma cifra maior que a do sarampo, que é de 2,2%, mas bem menor que a do ebola, acima da metade - 51%. Em números absolutos, são 2.800 mortes no mundo e quase 83 mil casos tabulados até a noite desta quinta-feira (27). A taxa de letalidade mostra apenas parte do problema, mas é importante do ponto de vista médico e individual, já que é do interesse do paciente saber o risco ao qual ele está submetido. Leia mais: Alagoas registra o primeiro caso suspeito de Covid-19 A gripe, por exemplo, tem uma taxa de letalidade bem mais baixa, de 0,1%, mas é preciso considerar que o número de infectados é muito maior, de dezenas de milhões de indivíduos. Em 20
PAM Salgadinho: Espaço da Mulher será entregue segunda-feira

PAM Salgadinho: Espaço da Mulher será entregue segunda-feira

Expresso, Maceió
Dando início à programação do Mês da Mulher, o prefeito Rui Palmeira e o secretário municipal de Saúde, José Thomaz Nonô, inauguram Espaço da Mulher no Bloco C do PAM Salgadinho, no Centro, na próxima segunda-feira (2) às 9h. O espaço é voltado ao cuidado da saúde das mulheres e já está em funcionamento, contando com ginecologia, proctologia, mastologia, climatério e psicologia e à realização dos procedimentos de colposcopia, anuscopia, peniscopia, biópsia do colo do útero, vulva e vagina, entre outros. Durante todo o mês , várias ações de saúde serão desenvolvidas em unidades de atendimento, na orla da Ponta Verde, Calçadão do Comércio e outros locais, visando ofertar cuidados e prevenção à saúde das mulheres maceioenses.
Coronavírus: Alagoas registra o primeiro caso suspeito de Covid-19

Coronavírus: Alagoas registra o primeiro caso suspeito de Covid-19

Alagoas
A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) informa que foi notificado, na tarde desta quarta-feira (26), um caso suspeito de Coronavírus através do Centro de Informação Estratégica e de Resposta em Vigilância em Saúde (CIEVS), validado hoje pelo Ministério da Saúde. Trata-se de um alagoano de 66 anos que voltou da França (país europeu com casos confirmados do vírus) para Maceió no dia 11 de fevereiro, após conexão em São Paulo. O paciente chegou com um quadro de dor de garganta, que evoluiu para fraqueza, dificuldade de respirar, tosse e febre. Ele só procurou o serviço de saúde privado no dia 26 de fevereiro. O paciente foi avaliado pela equipe médica do hospital da rede privada e foi colocado em isolamento domiciliar por apresentar sintomas leves. As coletas de amostras foram envi
Veja as dicas da OMS para se proteger do novo coronavírus

Veja as dicas da OMS para se proteger do novo coronavírus

Brasil
A Organização Mundial da Saúde (OMS) está trabalhando com especialistas para expandir o conhecimento médico sobre o novo coronavírus. Dados sobre a transmissão, recuperações e óbitos são importantes para conhecer melhor a doença e a proporção da epidemia. Com a confirmação do primeiro caso de coronavírus no Brasil, a Agência Brasil preparou um guia de medidas básicas para evitar o contágio e a disseminação dos vírus que atacam o sistema respiratório, em especial o coronavírus. As informações são da OMS: Higienize as mãos Lave suas mãos frequentemente com água e sabão ou com uma solução de álcool em gel. Por quê?  Esfregar as mãos ajuda a eliminar traços do vírus que podem estar presentes em lugares de uso comum.   Mantenha distância social Mantenha pelo menos
Pernambuco registra mais de 20 casos agulhada no Carnaval

Pernambuco registra mais de 20 casos agulhada no Carnaval

Brasil
Em entrevista ao TV Jornal, uma jovem de 23 anos disse que procurou atendimento no Hospital Correia Picanço, na Zona Norte do Recife, após ter recebido uma agulhada enquanto brincava carnaval em Olinda. Segundo a vítima, que não quis ser identificada, o caso teria acontecido no sábado (22): "Senti uma picada no ombro direito e um queimor" no local. Outras quatro vítimas procuraram o mesmo hospital, que é especializado em doenças infecto-contagiosas. Segundo duas outras vítimas, elas teriam recebido agulhadas no desfile do Galo da Madrugada, no Recife, e as outras duas teriam sido furadas em Olinda. Diante dos casos, a Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco liberou uma nota. Confira um trecho: A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), por meio do Centro de Informações Estratég
Sarampo: postos volantes vacinam no fim de semana de Carnaval

Sarampo: postos volantes vacinam no fim de semana de Carnaval

Expresso
A Gerência de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde de Maceió (SMS) dá continuidade, neste sábado (22) e domingo (23), à vacinação da Campanha contra o Sarampo nos postos volantes da Capital, instalados no Maceió Shopping (Mangabeiras), Parque Shopping (Cruz das Almas) e Shopping Pátio (Benedito Bentes). A imunização no sábado acontecerá das 10h às 22h e no domingo das 14h às 20h. O objetivo da Campanha é vacinar de forma seletiva (avaliação da situação vacinal e vacinação conforme as normas do Programa Nacional de Imunizações – PNI) pessoas de 05 a 19 anos de idade, a fim de interromper a circulação do vírus do sarampo e proteger os grupos mais acometidos pela doença no País.
Coronavírus: Brasil tem apenas um caso suspeito do Covid-19

Coronavírus: Brasil tem apenas um caso suspeito do Covid-19

Brasil, Expresso
O Brasil tem, atualmente, apenas um caso suspeito do novo coronavírus (Covid-19). Trata-se de uma criança de 2 anos de idade, em São Paulo, considerada suspeita desde quarta (19) por ter um histórico de viagem à China, mas não à Wuhan, o epicentro da contaminação. A informação foi dada por representantes do Ministério da Saúde, na tarde de quinta (20), em Brasília. O ministério, no entanto, continua atento ao surto ocorrido na China e trabalha com a possibilidade de aumento dos casos suspeitos, principalmente a partir do final de abril, quando as doenças respiratórias começam a aparecer no país.
Pneumologista alerta o folião: Beijo pode transmitir mais de 10 doenças

Pneumologista alerta o folião: Beijo pode transmitir mais de 10 doenças

Alagoas
Durante os festejos de Carnaval a paquera rola solta. São comuns os flagras de casais se beijando nos desfiles dos blocos. Mas é importante saber que, um simples beijo, pode trazer a infelicidade posteriormente. É que o ato de beijar pode ser a ponte necessária para transportar milhões de bactérias, de vírus e de fungos, segundo alerta o médico pneumologista do Hospital Geral do Estado (HGE), Luíz Cláudio Bastos. Doenças como mononucleose, citomegalovírus, herpes, cárie, candidíase, sífilis, caxumba, hepatite B, gripe, catapora e outras tantas podem ser transmissíveis em um único beijo. Agora, multiplique esse risco quando aumentam as trocas de secreções com outras pessoas, geralmente desconhecidas. “Eu acho que na folia ninguém observa como está a saúde bucal daquele que decide