9 de julho de 2020Informação, independência e credibilidade
Brasil

Universidade alemã afirma que Decotelli não obteve pós-doutorado

Denúncia acontece após faculdade argentina dizer que ele não tem doutorado, além das acusações de plágio em tese de mestrado

A assessoria de imprensa Universidade de Wuppertal, na Alemanha, afirma que o ministro da Educação Carlos Decotelli da Silva não obteve o título de pós-doutorado. Apesar disso, a informação consta em seu currículo Lattes.

“Carlos Decotelli veio para a cadeira da profa. Dra Brigitte Wolf para uma pesquisa de três meses em 2 de janeiro de 2016. Até 2017 ela era professora de teoria do design, com foco em metodologia, planejamento e estratégia na Universidade de Wuppertal e agora é emérita. Ele não adquiriu nenhum título em nossa universidade. A Universidade de Wuppertal não pode fazer nenhuma declaração sobre títulos obtidos no Brasil”. Assessoria da Universidade de Wuppertal.

Em seu currículo acadêmico, Decotelli informa que o título de pós-doutorado em Wuppertal foi obtido entre 2015 e 2017, mas a universidade informa que ele só passou três meses na instituição, no início de 2016.

Não é a primeira vez

Depois que o presidente Jair Bolsonaro publicou no Twitter um resumo do currículo do seu novo ministro, informando que ele tem doutorado pela Universidade de Rosário, na Argentina, e pós-doutorado pela Universidade de Wuppertal, na Alemanha, o reitor da instituição argentina, Franco Bartolacci, negou que ele tivesse obtido o título de doutor.

Bartolacci disse que a tese de doutoramento de Decotelli foi reprovada. Em seguida, começaram a surgir indícios fortes de plágio na dissertação de mestrado do agora ministro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.